sábado, 6 de março de 2010

gávea: o circo é aqui!


alguém ainda fica surpreso com escândalos pelos lados da gávea? seria ingenuidade demais, não? ao contratar o atacante, ano passado, o flamengo estava ciente de tudo o que viria acompanhando-o. e, se os torcedores não estavam assim cientes, deveriam passar a estar. e não há quem possa meter o dedo nessa ferida chamada comportamento extra-campo, não.
_____
ano passado, o pau quebrou na gávea de uma forma pior ainda. saíram, num barco só, forças como kleber leite, na época o manda-chuva por lá, e ainda foi junto o técnico cuca. pra completar, veio petkovic, que praticamente se escalou. ou seja, bagunça total.
____
resultado, meses depois? a conquista do hexacampeonato brasileiro. alguém ainda se lembra do furdunço do ano passado? ou dos constantes atrasos do adriano? isso é de fato relevante num clube do tamanho do flamengo, com um jogador da importância do adriano, que ainda foi artilheiro daquele bodega, jogando praticamente metade dos jogos somente?
_____
agora, num momento de festa total, ao qual todas as pessoas têm direito, sendo jogadores ou não, a noiva do cara pinta na área e faz o maior barraco. e isso respinga no clube, que terá o desfalque do imperador no jogo contra o caracas, na venezuela, pela libertadores, um campeonatozinho um pouco mais importante que o carioquinha, não? pois então, a pergunta que fica é: isso é normal? isso é certo? jogador fazer o que quer, treinar quando quer, e jogar quando quer?
_____
numa visão tradicional, não, não é nenhum pouco correto. porém, isso é quase uma cláusula contratual: jogo no flamengo, se eu puder fazer o que quiser. tá errado? ok, tradicionalmente, estaria errado. porém, adriano não é jogador tradicional. o flamengo não é um clube de esquina. qualquer porcaria de espirro lá dentro vira capa de jornal. é do clube isso. é apelo popular. é o que vende jornal, crise na gávea.
____
se estou preocupado com isso? nenhum pouco. abalado? longe disso. surpreso? pra quê? o cara simplesmente chegou e foi um dos principais jogadores da conquista do hexa. o ano tá só no começo. e nem é a primeira crise que estoura na gávea. e nem será a última, e eu tô nem aí pras próximas que vierem. para ter um jogador decisivo como ele, as condições são estas, e pronto. criar caso por isso? nem pensar. o torcedor do flamengo tem mais é que aproveitar os momentos decisivos do cara.
___
e sobre o pet? ah, só mais uma crise boba por lá... daqui a pouco ele mete mais uma falta daquelas, ou um golzinho olímpico, ganha um título, e alguém vai lembrar disso?? futebol são conquistas. quando elas pintam, tudo de ruim se apaga. quando elas não acontecem, tudo que está bem vira crise.
_____
ítalo.

2 comentários:

G. F. Busnardo (Gui) disse...

Legal Íta!
Não tinha pensado desse jeito ;)

Wilson Torres Nanini disse...

Concordo com você. Mas, êxitos à parte - não sei se estou dando um chute certo - jogadores como esse Adrianos são uma bola fora. Abraços!