segunda-feira, 15 de março de 2010

alegria alheia incomoda

versinho da música "erva venenosa", da rita lee.
e que serve como luva para o futebol.
a alegria alheia incomoda por demais nesse mundo da bola.
se a guriada do santos se diverte em campo, é motivo pra descer o cacete neles.
se brincam nas comemorações, é porque estão debochando.
se o palmeiras vira pra cima do santos, e retribui as palhaçadas, tá provocando também.
a gozação faz parte do esporte. tem que fazer parte do esporte.
mas é tão difícil de ser aceita.
ô bando de ressentidos.
_____
hoje foi dia puxado. durante a semana mandarei uma letra aqui sobre os dois clássicos.
a choradeira já rola solta de todos os lados.
e os risos também.
afinal, já escrevi aqui inúmeras vezes, quem ganha tem todo direito de comemorar e esculhambar geral.
quem perde, baixa as "oreia" que uma hora haverá de ganhar (mesmo sendo eterno freguês :)
_________
vai um textinho aqui do curt, que não é gabriel, mas é o pensador.
e, como já dito aqui também, o espaço tá aberto pra todos os quiserem mandar uma ideia ou
tirar um sarro. futebol precisa ser isto, alegria, mesmo que ela incomode.
_ _ _ _ _

"Novas regras impostas pela CBF para FLAMENGO x vasco.
A CBF acaba de determinar novas regras para o clássico dos milhões,
principalmente em partidas decisivas, com o objetivo de equilibrar os
resultados dos futuros encontros entre ambos
regra nº 1: A escolha dos árbitros e assistentes da partida ficará a critério do Sr. Eurico Miranda, na ausência do traq, ops, Dinamite;
regra nº 2: Os jogadores do Flamengo que forem destros não poderão fazer gol com a perna direita, e os canhotos não poderão fazer gol com a perna esquerda;
regra nº 3: Os atacantes do Flamengo não poderão entrar na área do vasco;
regra nº 4: Em bolas paradas para o vasco o Flamengo não poderá formar barreira;
regra nº 5: O goleirão Bruno não poderá realizar defesas com a mão;
regra nº 6: Para cada 3 torcedores do vasco no estádio o Flamengo poderá ter 1. Neste caso, a média prevista por jogo é de 1.200 pagantes);
regra nº 7: Cada 6 gols da equipe do Flamengo valerá apenas 1;
regra nº 8: O jogador que tiver nome de Adriano só poderá jogar 2 minutos por jogo;
regra nº 9: Qualquer contato físico no jogador do vasco Dodô será caracterizado como penalidade máxima, independentemente da faixa de campo onde o jogador se encontrar;
regra nº 10: O jogador do Flamengo que completar no jogo 5 roubadas de bola será automaticamente expulso da partida;
regra nº 11: O técnico do Flamengo está proibido de realizar substituições;
regra nº 12: O jogador do Flamengo Léo Moura não poderá dar nenhuma caneta nos jogadores do vasco. Caso isso ocorra, será punido com a suspensão de 10 partidas;
e regra n° 13: Jogadores que não são brasileiros (tipo Pet) não poderão cobrar escanteios, faltas e só poderão encostar na bola dentro do campo de defesa.
A CBF esclarece que o objetivo dessas regras é tornar mais equilibrados os jogos entre Flamengo e vasco, já que a monotonia e constância de apenas UM resultado tem afastado a torcida dos estádios.
SRN"

3 comentários:

Francisco de Sousa Vieira Filho disse...

kkkkkkkkkkkkkk... tow me acabando de rir até agora do "que Deus perdoe essas pessoas ruins... que não sabem bater pênaltis..." kkkkkkkk...

Cássio Amaral disse...

i.ta,

devemos ir para o sul, eu e maeles. quero te conhecer.

abraço do amigo.

G. F. Busnardo (Gui) disse...

Cara, pegaram pesado com o Vasco agora (gostei ;D).

As fotos são muito engraçadas :D